Cervicalgia | Por Silvana Hechem Navarro

Na Medicina Tradicional Chinesa, a Cervicalgia ocorre devido à deficiência do rim e do fígado ou por estagnação do Qi, invasão ou acúmulo de frio e desnutrição dos tecidos moles.

A ação da acupuntura auricular ou sistêmica estimula a liberação de opióides endógenos e neurotransmissores que promovem analgesia, fazendo estímulo nas fibras nervosas do tipo A delta para produzir um impulso inibitório descendente. A inserção de agulhas ou estimulo em pontos específicos possuem um efeito imunomodulador com a ativação de fatores mediadores da inflamação, além de resultar em uma elevação de hormônio adrenocorticotrófico e de corticosteróides endógenos.

Os sintomas podem ser caracterizados por sinais de dor localizada que irradia ou não para a cabeça e para os membros superiores. As causas dessas dores podem ser: problemas degenerativos do disco cervical, trauma, hipertrofia, inflamação, osteofitos, abaulamento das estruturas vertebrais, lesão dos tecidos moles, compressão vascular e lesão plexo cervical ou braquial, levando a limitação da cervical e do tórax. Além disso, uma possível causa psicossomática pode ser o excesso de preocupação.

Tratamento auricular

A acupuntura auricular para a cervicalgia pode ser realizada com aplicação nos seguintes pontos:

Fonte: SENNA (2012)
  1. Shen Men;
  2. Rim;
  3. Simpático;
  4. Região Cervical;
  5. Ápice da Orelha;
  6. Vesícula Biliar
  7. Pescoço;
  8. Nervo Auricular Maior;
  9. Hélix 4;
  10. Occipital;
  11. Bexiga

Além dos pontos citados na imagem ao lado, podem ser utilizados outros pontos para o tratamento, como: Supra Renal, Olho, Fígado, Clavícula, Relaxante muscular e Endócrino.

O ponto Shen Men possui a função de anti – inflamatório e analgésico, o ponto da cervical ativa a circulação do Qi e do Sangue na região para melhorar a nutrição dos tecidos moles, o ponto do Fígado controla a nutrição dos ligamentos, tendões e armazenamento de sangue fortalecendo os tecidos moles, o Nervo Occipital desobstrui os canais com ação de aquecimento local ativando a circulação e aliviando o desconforto, o ponto Endócrino serve para realizar a liberação de cálcio e fósforo, e por fim, o ponto de Rim possui a função de fortalecimento dos ossos e excreção da inflamação.

Além disso, o tratamento também pode ser realizado com técnicas da eletroacupuntura.

Para que se obtenha analgesia, o importante é estimular com eletroacupuntura os pontos Região Cervical e o ponto Nervo Auricular Maior, com onda contínua por vinte minutos e 30 Hz de freqüência. Nos casos de deficiência, o mais importante é tonificar os pontos de Rim e Fígado com agulha filiforme. (SENNA, 2012).

Fonte: Romoli (2013)

Na imagem ao lado podemos observar um quadro prático de cervicalgia. Segundo Romoli (2013), esse caso se caracteriza por ser uma hipertrofia serpiginosa da anti-hélix, que gerou consequências degenerativas na paciente.


Silvana Hechem Navarro é fisioterapeuta (CREFITO-3/56.309-LTF) e acupunturista, bem como é professora e coordenadora de ambulatório do Instituto Long Tao.

Este texto foi enviado pelo profissional mencionado e seu conteúdo é de sua total responsabilidade.